Português  |  English 
Home
 |   |   | 

António Alfredo Lamas
Telm.:  351 96 910 35 00 | e-mail  quintadasbajancas@gmail.com

A paixão por a Terra e pelo vinho levou a Família Lamas a decidir tentar produzi-lo. Para tal optaram sempre pela excelência e pelo rigor em todos os detalhes da sua elaboração.

A decisão de plantar a vinha da Quinta das Bajancas foi tomada em 1993 tendo-se estudado relativamente às condições edafoclimáticas do local quais as castas mais adequadas. Após tal estudo, foram escolhidas as castas Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Francisca e Tinta Amarela para os vinhos tintos e Rabigato, Gouveio e Malvasia Fina e Códega do Larinho para os vinhos brancos.

A primeira plantação teve então lugar numa parcela com 4 hectares de meia encosta virada a sul e de conhecidas potencialidades, denominada "bajancas".

A vinha foi plantada no início de 1994 e, durante 10 anos, tomou-se a decisão de não produzir e engarrafar quaisquer quantidades por forma a favorecer apenas o desenvolvimento vegetativo da planta.

Em 2000 procedeu-se à segunda fase de plantação da vinha em mais 8 hectares, com as castas Tinta Roriz, Tinta Amarela, Touriga Nacional , Tinta Barroca, Touriga Franca e Tinta Francisca ficando a Quinta das Bajancas com um total de 12 hectares de vinha.

No ano de 2004 decidiu-se então elaborar o primeiro vinho e porque consideramos que o conhecimento técnico é absolutamente decisivo para atingir os objectivos a que nos propusemos estabelecemos uma parceria com a empresa de enologia 2PR, que tal como nós, opta sempre pela excelência e pelo rigor em todos os detalhes desde a sua elaboração à sua comercialização.

A Quinta tem capacidade de produzir até ao limite de 48.000 garrafas (750 ml), 41.000 de vinho tinto e 7.000 de vinho branco, de um vinho que se convencionou chamar Vinho de Quinta, o que significa que a Quinta só pode produzir e engarrafar os seus próprios vinhos.


design@wallpaper.pt
fotografias: Sérgio Jacques / Studio 8a